Governo participa de reunião com ministro Patrus Ananias e movimentos sociais rurais

    Governo-participa-de-reunião-com-ministro-Patrus-Ananias-e-movimentos-sociaisAtento aos problemas vivenciados pelos movimentos sociais rurais e disposto a ajudar na resolução das reivindicações populares, o Governo do Estado participou, na tarde desta quarta-feira (26), no Centro de Estados Sindical (Cesir) da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais na Agricultura do Estado do Maranhão (Fetaema), de reunião com o ministro do Desenvolvimento Agrário (MDA), Patrus Ananias. O encontro foi motivado em decorrência de problemas vivenciados pelas organizações da sociedade civil e de movimentos sociais na execução dos programas de Assessoria Técnica, Social e Ambiental (Ates) e de Assistência Técnica e Rural (Ater) celebrados com o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

    Para ajudar no processo de intermediação e auxiliar no diálogo entre as categorias, o Governo do Maranhão enviou os secretários de Estado de Assuntos Políticos e Federativos (Seap), Márcio Jerry, de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop), Francisco Gonçalves, e de Agricultura Familiar (SAF), Adelmo Soares. Durante a reunião, foi contextualizada a situação dos convênios e expostas as dificuldades dos contratos.

    O secretário Márcio Jerry destacou que esse impasse gera uma ansiedade dos movimentos e impede o funcionamento de várias entidades que atuam com protagonismo no campo maranhense. “O Governo está se solidarizando e se colocando a disposição, razão pela qual participaram vários secretários, encaminhados pelo governador Flávio Dino, para acompanhar essa mesa de diálogo e ver no que é possível avançar e inserir o Estado em quaisquer tratativas que forem necessárias”, explicou Márcio Jerry.

    Patrus Ananias reconheceu que alguns convênios estão com problemas, mas o MDA já está processando com rigor a situação de cada um, inclusive com técnicos do Incra Nacional integrando a delegação que está em visita ao Maranhão. “A nossa vinda aqui também tem outra dimensão. Viemos para aprofundarmos as nossas parcerias com o Governo do Estado e com as entidades para promovermos o maior desenvolvimento da agricultura familiar maranhense”, enfatizou o ministro.

    Para o presidente da Fetaema, Chico Miguel, a participação do ministro do MDA em uma reunião na sede da Federação foi um passo importante para a discussão dos impasses e reivindicações dos trabalhadores rurais.

    O secretário da SAF, Adelmo Soares, ressaltou a atuação do Governo do Maranhão para o fortalecimento da agricultura familiar com a reorganização do sistema, através da criação de uma secretaria específica para a área. “O Governo tem um olhar diferenciado às questões da agricultura familiar e de movimentos sociais, estes têm um espaço muito grande por determinação do governador Flávio Dino que entende que a mudança do Maranhão só é possível quando os movimentos são ouvidos e valorizados”, afirmou.

    Francisco Gonçalves frisou o esforço do Governo do Estado de enfrentar a violência no campo e na cidade através de planejamento eficaz de políticas públicas de regularização fundiária, de crédito rural e ao mesmo tempo de assentamento das famílias. “A preocupação do Governo é que com políticas públicas eficazes a gente pode se antecipar aos problemas. E para isso é preciso condições efetivas para que o homem se fixe no campo, produza e com isso sustente sua família”, complementou.