Governo do Estado promove ações de saúde e atendimento jurídico para detentos de Itapecuru-Mirim

[rrssb buttons="whatsapp, facebook, linkedin, twitter, gplus, email"]

Foto2_Divulgação - Ação conjunta de saúde e atendimento jurídicoOs internos da Unidade Prisional de Ressocialização (UPR) de Itapecuru-Mirim receberam ações sociais de saúde e jurídica, nesta sexta-feira (17), por meio de mutirão que iniciou na quarta-feira (15). A iniciativa faz parte das metas estabelecidas pelo governador Flávio Dino com intuito de humanizar a execução penal.

Ao todo, 84 detentos foram beneficiados com imunização contra doenças como hepatite, tétano e gripe. Ainda no âmbito da saúde, os detentos fizeram testagem rápida de HIV/Aids, tétano e sífilis e tiveram acesso a atendimentos médicos.

Na área de assistência jurídica, os custodiados tiveram os processos revisados. Os advogados identificaram os que se encontravam com situação irregular. De acordo com os defensores, os casos mais comuns são de presos provisórios que aguardam por audiência de custódia com o juiz. A iniciativa objetivou atender os detentos que não têm condições de contratar advogados.

Foto1_Divulgação - Ação conjunta de saúde e atendimento jurídicoPara o diretor da UPR de Itapecuru-Mirim, Jorge Henrique Pereira Viegas, os trabalhos assistenciais são fundamentais para a reintegração social do apenado. “Eles se sentem valorizados, e isso é extremamente importante no processo de readaptação social do apenado”, destacou.

A ação foi coordenada pela juíza Mirella Freitas, titular da 2ª Vara da Comarca. A superintendente de Atendimento e Humanização da Secretaria de Estado e da Administração Penitenciária (Sejap), Kelly Cristina Carvalho, adiantou que a próxima unidade carcerária a ser contemplada com a ação, entre os dias 27 a 29 de julho, será a UPR de Bacabal.